IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Notícias

Juazeiro (BA) e Petrolina (PE) reagem em defesa de direitos negados pelo governo federal

Juazeiro (BA) e Petrolina (PE) reagem em defesa de direitos negados pelo governo federal

Na metade do quinto mês do atual governo federal, manifestantes foram às ruas em todas as regiões do Brasil em defesa de pautas como educação pública e previdência. Nos vizinhos municípios de Juazeiro (BA) e Petrolina (PE), durante a manhã, centenas de pessoas realizaram passeata pelas ruas do centro das duas cidades e se encontraram na Ponte Presidente Dutra, seguindo para Juazeiro, onde o ato público foi encerrado por volta das 13h.

A motivação da parada nacional neste 15 de maio foram as próprias decisões do governo Jair Bolsonaro (PSL), especialmente o anúncio de cortes nos recursos investidos atualmente no ensino técnico e superior e o projeto de Reforma da Previdência, considerado pelos/as manifestantes como de grande impacto negativo para a classe trabalhadora.

A professora Eline Souza, do Instituto Federal da Bahia, Campus Juazeiro, disse que o momento foi de informar a sociedade sobre o corte de 30% nas verbas de manutenção das instituições e o que isso representa, principalmente, para a população mais pobre que usufrui da educação pública. A educadora diz que ir às ruas é uma forma de ecoar um grito em defesa da educação, tanto na região quanto nacionalmente, na expectativa de que o governo volte atrás nas decisões. Além disso, é preciso que “a população brasileira perceba que a educação pública, de qualidade, deve ser mantida para todos e que ela não retorne para a mão de uma elite branca, privilegiada (...) que antes tomava conta dessa educação”, defende Eline.

Cartazes, gritos de ordem, faixas, músicas e falas de representantes de organizações e movimentos sociais deram o tom da caminhada, que reuniu diversos segmentos e distintas gerações, em sua maioria educadores/as e estudantes. Débora Aguiar, estudante de edificações do Instituto Federal de Pernambuco – IF Sertão PE, considera de grande importância a participação das/dos estudantes, mostrando assim que estão atentos/as ao que está acontecendo no país. “Nós estarmos aqui é um sinal de resistência (...) estamos aqui pra dizer que não queremos o corte, que queremos barrar o corte”, afirma a estudante.

Além dos cortes que atingem diretamente as universidades e institutos federais, a comunidade acadêmica das universidades estaduais também foi às ruas. A universidade do Estado da Bahia - Uneb, por exemplo, já está em greve acerca de um mês devido a medidas preocupantes do governo Rui Costa (PT). A estudante da Universidade de Pernambuco - Upe, Letícia Rebeca Lopes, ressalta que os entraves em nível federal abre precedente para os governos dos estados seguirem a mesma linha, por isso, segundo a estudante, representantes das estaduais também aderiram a manifestação.

No Vale do São Francisco os atos foram organizados pela Frente Brasil Popular, que aponta esse momento como uma preparação para a greve nacional que deve acontecer no dia 14 de junho. Robson Nascimento, um dos organizadores, avalia a manifestação como positiva e declara: “nós não vamos sair das ruas, pra dizer pro governo que ele tá no caminho errado, que ele não tem proposta pra sociedade. Não é tirando direitos que se conserta o país, conserta o país com investimentos, com política social, com política pública”, conclui.

Texto e fotos: Comunicação Asa Bahia


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

Juazeiro (BA) e Petrolina (PE) reagem em defesa de direitos negados pelo governo federal

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005