IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Terra

O Brasil possui uma extensão territorial de 850 milhões de ha, mas metade desta área, cerca de 400 milhões, está nas mãos de latifundiários. Segundo a Comissão Pastoral da Terra (CPT) 1% dos supostos proprietários possuem 46% de todas as terras. Olhando esses dados é fácil entender porque tanta miséria num país considerado rico, onde quase 54 milhões de pessoas passam fome, vivendo com menos de R$ 150,00 por mês. E o mais lamentável é que mais de 6 milhões de pessoas não têm um pedaço de terra para produzir.

 

Durante todos os anos de lutas, infelizmente muitas pessoas pagaram com o principal dom da criação divina, a própria vida. Nos últimos 20 anos mais de 1.400 trabalhadores/as rurais foram assassinados, e a maioria dos culpados (fazendeiros, políticos, pistoleiros) sequer pagou pelas atrocidades que cometeu. Isso também por causa da inoperância da polícia e do poder judiciário, onde se consta muitas vezes a participação ou conivência. Sem contar as perseguições, acusações, ameaças e tentativas de homicídio contra trabalhadores e trabalhadoras rurais e lideranças, além da criminalização dos movimentos sociais e organizações populares.

Essa realidade é forte na região Semi-árida, onde é intenso o traço do “coronelismo”, herança do período de colonização e ocupação desta região.

Na região Semi-árida existem cerca de 2 milhões de estabelecimentos agrícolas familiares (segundo Censo Agropecuário de 1995), correspondendo á 42 % de unidades agrícolas do pais. No entanto ocupam somente 4,2 % do total da área agrícola. Cerca de 90% dos estabelecimentos agrícolas familiares possuem menos de 100 e 65 % tem menos de 10 há. Assim, o principal problema é o minifúndio, onde as famílias possuem áreas em tamanho insuficiente para garantir o seu sustento.

Conforme a caracterização ambiental, depressão sertaneja (que ocupa 22% do Semi-árido Brasileiro), segundo a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - EMBRAPA, existem lugares em que uma família, para uma utilização rentável e não danoso ao meio-ambiente precisa de uma área no tamanho de até 300 ha. Há necessidade de uma política de Reforma Agrária que considere esses fatores.

Notícias

    Nenhuma notícia disponível.




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005