IRPAA - Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada

Viver no sertão é conviver com o Clima

Formulário de Busca

Siga-nos:



Notícias

Irpaa encerra comemorações dos 30 anos com debate sobre novas perspectivas, homenagens, lançamentos de produções e música

Irpaa encerra comemorações dos 30 anos com debate sobre novas perspectivas, homenagens, lançamentos de produções e música

A celebração dos 30 anos do Irpaa foi encerrada durante uma live na sexta-feira (27), com o tema “Perspectivas e defesa da convivência com o semiárido”. Participaram do momento o coordenador-geral do Irpaa, Cícero Félix, e a jovem Lusan Silva, estudante da República do Irpaa, entre outros e outras convidados/as. O evento virtual foi mediado por Tiago Pereira, também coordenador institucional, e contou com apresentação musical da cantora e jornalista Joyce Guirra.

Os desafios que as organizações da sociedade civil como o Irpaa enfrentam diariamente em um contexto social e político que nega direitos e reforça injustiças, foram lembrados durante a live através da fala de Cícero Félix. “A convivência com o semiárido conseguiu dialogando com sociedade civil e poder público construir por meio de políticas públicas afirmativas, condições para que as pessoas possam viver nessa região com dignidade, [...] por conta desse momento de retirada de direitos, de negacionismo em relação à Ciência e descumprimento da Constituição Federal, o Irpaa junto com muitas outras organizações da sociedade civil, estão a postos, de pé, firmes em luta em defesa da convivência com o semiárido”, afirmou Cícero Félix.

Nessa trajetória de desafios, o Irpaa tem buscado envolver a juventude, especialmente os jovens e as jovens que vivem no campo, promovendo o protagonismo juvenil na luta pela defesa da Convivência com o Semiárido. Na perspectiva da estudante Lusan Silva, a proposta do Irpaa continuará sendo defendida pelas novas gerações. “Muitos jovens que vivenciaram ou vivenciam algum tipo de formação tem se comprometido com as questões relacionadas à comunidade e também com o Semiárido. Jovens esses que hoje ocupam espaços no sindicato, na política, na associação da sua localidade. São conquistas que os pais não conseguiram ter por conta da negação de direitos”, disse Lusan.

A live contou ainda com as participações em vídeo de Roberto Malvezi (Gogó), Naidison Baptista, da Articulação Semiárido Brasileiro (ASA) Bahia, da jornalista Jacira Félix lançando o livro “O amor conduz a verdade”, da professora e pesquisadora Maryângela Ribeiro de Aquino Lira Lopes lançando a obra "Educação para a Convivência com o Semiárido e Direitos Humanos - Experiências educacionais do Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - Irpaa", do Secretário de Educação do Governo do Estado da Bahia, Jerônimo Rodrigues, de Emily Silva estudante da Escola Família Agrícola de Sobradinho e Marianna Mota do Coletivo de Jovens da Região de Curaçá, Uauá e Canudos.

Durante a live Cícero Félix e Álvaro Luiz que é integrante do eixo Comunicação e Educação da instituição, fizeram o lançamento das cartilhas produzidas pelo Irpaa: “Experiências de Recaatingamento no Semiárido brasileiro”; “Balaio de Histórias - Entre as Caatingas e as águas: Educomunicação no Sertão do São Francisco”; e “Comunicação para a Convivência com o Semiárido”.

A união que fez a força do trabalho realizado durante esses 30 anos de existência do Irpaa foi reafirmada na fala de Naidison Baptista, parceiro na caminhada da Instituição, que também destacou as principais conquistas da organização. “Olhem o Semiárido de 30 anos atrás e olhem o Semiárido de hoje. No lugar da morte, a vida. No lugar da concentração, a partilha da água. No lugar do não reconhecimento da terra, a luta e a conquista da terra das comunidades tradicionais. No lugar da deseducação, a educação contextualizada. No lugar da inexistência de políticas, muitas políticas construídas para a convivência com o Semiárido. No lugar da ação isolada, a ação em rede”, pontuou.

Foi nesse clima celebrativo de encerramento da comemoração dos seus 30 anos que o Irpaa reafirmou seu compromisso de Existir e Resistir com o povo dessa terra na defesa do Bem Viver no Semiárido.

Texto e Foto: Comunicação Irpaa
 


Veja também

< voltar    < principal    < outras notícias

Página:

Irpaa encerra comemorações dos 30 anos com debate sobre novas perspectivas, homenagens, lançamentos de produções e música

Para:


Suas informações:



(500 caracteres no máximo) * Preenchimento obrigatório




Campanhas

Newsletters

Cadastre seu e-mail para receber notícias.

Formulário de Contato





Faça sua doação


Copyright © 2005 - 2009 IRPAA.ORG Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada - IRPAA
Avenida das Nações nº 04 - 48905-531 Juazeiro - Bahia, Brasil
Tel.: 0055-74-3611-6481 - Fax.: 0055-74-3611-5385 - E-mail: irpaa@irpaa.org - CNPJ 63.094.346/0001-16
Utilidade Pública Federal, Portaria 1531/06 - DOU 15/09/2006 Utilidade Pública Estadual, Lei nº7429/99
Utilidade Pública Municipal, Lei nº 1,383/94 Registro no CNAS nº R040/2005 - DOU 22/03/2005